Museus e Arte

"Grécia nas ruínas do Missolonga", Eugene Delacroix - descrição da pintura


Grécia nas ruínas do Missolongs - Eugene Delacroix. Óleo sobre tela, 209x147 cm.

Ao longo de sua vida, Delacroix manteve um diário e adorou relê-lo. Em 1820, um disco apareceu lá: eu senti uma paixão por grandes coisas despertando em mim. Era um presságio do aparecimento da imagem da Grécia nas ruínas do Missolonga. Neste momento, a atenção de Delacroix, como todos os românticos, estava concentrada na guerra de libertação da Grécia com a Turquia. O artista dedicou vários trabalhos a este evento dramático.

Mas por que exatamente essa Missolonghi distinguiu Delacroix de todo o triste registro da revolta? O fato é que, como muitos de seus contemporâneos, o pintor amava Byron, e foi nessa cidade que o famoso senhor morreu em 1824. Portanto, nas cinzas dos Missolongs, a Grécia confusa chora por todo o seu país. A imagem alegórica incorporada em uma mulher é um pouco semelhante à liberdade (liberdade, o povo líder, mais conhecido como liberdade nas barricadas). O mesmo olhar teimoso, embora desconcertado, roupas esvoaçantes e espaçosas, peito quase nu.

A heroína fica de joelhos nas pedras - estas são as ruínas de um edifício. Em primeiro plano, o espectador pode ver a mão sem vida de um guerreiro grego caído. Ao longe - a figura de um homem negro com um cajado.

Os pesquisadores observam que aqui o Delacroix usou uma técnica incomum para aplicar cores - tons contrastantes foram aplicados à tela com pequenos traços, razão pela qual a imagem ficou tão expressiva em termos colorísticos e dramáticos.

A geração de hoje, infinitamente longe desses eventos, não pode deixar de sentir essa tragédia, olhando para uma linda mulher, a Grécia, que, em sua pose de censura imploradora, com os braços estendidos, parecia congelada em horror estúpido pela pátria pisoteada, que entrou em uma feroz batalha pela independência. . Grandes obras não têm medo do esquecimento e mal-entendidos ...


Assista o vídeo: ACRÓPOLIS - COMIDA GREGA. COMIDA INTERNACIONAL. Go Deb (Julho 2021).